v. 45 n. 128 (2021): Saúde em Debate

Saúde em Debate v. 45, n. 128, jan-mar, 2021

"O Centro Brasileiro de Estudos de Saúde (Cebes), com a publicação desta revista ‘Saúde em Debate’, insere-se na luta por democratizar o acesso à defesa da vida e da saúde neste ambiente de conflito. Tem lutado para inserir a Covid-19 como doença principalmente de transmissão e letalidade ocupacional em que o adoecimento de idosos, crianças e adolescentes é fator colateral. Os recursos para estudar, pesquisar e publicar são escassos e significam, muitas vezes, o limite da sobrevivência para o próprio Cebes, para a população pobre trabalhadora, para os migrantes e para as periferias de um país que reluta em ser lançado ao cemitério e à guerra civil pelos seus próprios governantes". [Trecho do editorial ‘Vacinas contra a Covid-19: a doença e as vacinas como armas na opressão colonial’ assinado pelos diretores do Cebes Heleno Rodrigues Corrêa Filho e Alane Andrelino Ribeiro].

O número 128 da Saúde em Debate apresenta as seguintes temáticas: indução à pesquisa em saúde no Brasil para mitigar problemas relacionados à extrema pobreza;  desafios para regionalização da Vigilância em Saúde no Brasil; práticas corporais como dispositivos da biopolítica e do biopoder na Atenção Primária à Saúde (APS); atenção em serviços de internação psiquiátrica em hospitais gerais na Argentina; organização em rede na atenção psicossocial especializada em Recife; relações de poder entre profissionais e usuários da APS; usuários que abandonam o cuidado em Centros de Atenção Psicossocial (Caps-III); Unidade de Acolhimento Adulto para usuários de álcool e outras drogas; clínica no Caps Infantojuvenil na adolescência; condutas realizadas pelas Comunidades Terapêuticas; fatores biopsicossocioculturais relacionados com o aleitamento materno; indicadores assistenciais de saúde bucal na Atenção Básica em Recife; corpos como objeto: uma leitura pós-colonial do ‘Holocausto Brasileiro’; abertura de possíveis no cuidado em saúde mental, em momentos de crise; extinção dos manicômios judiciários; Gestão Autônoma da Medicação, do Quebec ao Brasil; trabalho e adoecimento de bancários; sentidos sobre cuidado em saúde mental; resenha do livro ‘Redes regionalizadas de atenção à saúde: desafios à integração assistencial e à coordenação do cuidado’.

Publicado: 2021-04-19

Edição completa