Anúncios

Edição Atual

v. 46 n. 135 out-dez (2022): Saúde em Debate
Saúde em Debate v. 46, n. 135, out-dez, 2022

Editorial do último número regular da ‘Saúde em Debate’ de 2022, escrito pelas editoras científicas da revista: ‘Lula Presidente: a herança e os desafios para o campo democrático’ – “Há seis anos, a democracia do Brasil vem se confrontando com o fascismo que aqui se instalou juntamente com graves crises política, econômica, sanitária, cultural e social. A pandemia da Covid-19 matou, até setembro de 2022, 685.677 pessoas, proporcionalmente uma das maiores mortalidades do planeta (14º lugar) e a segunda das Américas com 3.214 milhão de habitantes, ficando atrás apenas do Peru. [...] No contexto de uma sociedade dividida e inundada pelo ódio, a grande tarefa para Lula será reconstruir o País, a democracia, a unidade e a esperança, implementando, ao mesmo tempo, políticas sociais que reduzam as enormes desigualdades herdadas, particularmente a fome que hoje atinge 33 milhões de brasileiros. Há grande expectativa quanto ao fortalecimento do setor da saúde e do Sistema Único de Saúde (SUS) que ganhou visibilidade e certa valorização popular na pandemia, mas que, ao mesmo tempo, é um setor em forte disputa com o mercado privado. O convite às lideranças do Conselho Nacional de Saúde e do Centro Brasileiro de Estudos de Saúde (Cebes), para compor a Comissão de Transição do governo na área da saúde, sinalizam sobre o papel que as organizações e as entidades da saúde coletiva e do Movimento da Reforma Sanitária (MRS) podem desempenhar no futuro governo como atores com capacidade e poder de influenciar os rumos da saúde”.

Assuntos abordados: qualidade da informação de saúde na internet; violência, sofrimento mental e invisibilidades nas favelas do Rio de Janeiro; humanização do nascimento e empoderamento das mulheres no Québec e no Chile; assistência hospitalar ao parto e nascimento; judicialização da saúde como estratégia de sustentabilidade do SUS; prevenção e controle do câncer bucal no Rio de Janeiro; serviços odontológicos do Paraná no enfrentamento da Covid-19; o Caps e a teoria winnicottiana; trabalho de enfermagem na Atenção Primária à Saúde no estado da Paraíba – Brasil; diagnóstico de HIV/Aids após quatro décadas de epidemia; cuidado em saúde sob o olhar de Pessoas Vivendo com HIV/Aids; estudo de caso sobre cuidado e viver de mulheres com HIV; saúde coletiva e psicologia social da práxis: um caminho interdisciplinar como metaformação na pós-graduação; educação física e a formação em saúde coletiva; Educação Permanente em Saúde: uma política interprofissional e afetiva; qualidade do cuidado e segurança do paciente; aplicabilidade do Three Delays Model no contexto da mortalidade materna; Big Data e Inteligência Artificial para pesquisa translacional na Covid-19; força de trabalho em saúde no Brasil; experiências pedagógicas para a construção da interdisciplinaridade em saúde coletiva; Plano Municipal de Saúde na perspectiva distrital: experiências e desafios no contexto pandêmico.

Publicado: 2022-11-29

Edição completa

Ver Todas as Edições