Processo de organização do trabalho dos Núcleos Ampliados de Saúde da Família e Atenção Básica durante a pandemia da Covid-19 no Brasil

Autores

  • Hebert Luan Pereira Campos dos Santos 1 Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto Multidisciplinar em Saúde (IMS) https://orcid.org/0000-0003-2722-7945
  • Nília Maria de Brito Lima Prado Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto Multidisciplinar em Saúde (IMS)
  • Luiz Henrique Pitanga Evangelista dos Santos Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto Multidisciplinar em Saúde (IMS)
  • Fernanda Beatriz Melo Maciel Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto Multidisciplinar em Saúde (IMS) https://orcid.org/0000-0002-6421-3940
  • Luzimary Vieira Pereira Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto de Saúde Coletiva (ISC)
  • Carmen Fontes Teixeira Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto de Saúde Coletiva (ISC)

Palavras-chave:

Equipe de assistência ao paciente, Covid-19, Atenção Primária à Saúde, Pessoal de saúde, Saúde da família

Resumo

O objetivo deste artigo é identificar as estratégias para organização e os desafios operacionais para efetivar o processo de trabalho multiprofissional das equipes do NASF-AB no contexto da pandemia da Covid-19 no Brasil. Foi realizada uma revisão integrativa nas bases de dados LILACs, Science Direct, PubMed, BVS, SciELO, Scholar Google e revisão documental de publicações técnicas do Ministério da Saúde do Brasil. Foram incluídos 13 estudos e não foram localizados documentos técnicos publicados pelo Ministério da Saúde que tratassem diretamente sobre a reorganização do processo de trabalho do NASF-AB na pandemia. Evidenciou-se que todos os elementos que compõem o processo de trabalho em saúde dos profissionais do NASF-AB foram modificados, dada à complexidade da dimensão ontológica do trabalho em saúde. As equipes desenvolveram diversas ações voltadas para manutenção do cuidado em saúde, entretanto notou-se maior foco em atividades da dimensão clínico-assistencial em detrimento de apoio técnico-pedagógico. Durante a pandemia, as ações desenvolvidas pelo NASF-AB apontaram para uma predominância da racionalidade gerencial, na medida em que o modo de organizar o trabalho valorizou determinadas dimensões do apoio matricial em detrimento de outras, caracterizando um sub aproveitamento das potencialidades das equipes na APS.

Downloads

Publicado

2023-12-04

Como Citar

1.
Santos HLPC dos, Prado NM de BL, Santos LHPE dos, Maciel FBM, Pereira LV, Teixeira CF. Processo de organização do trabalho dos Núcleos Ampliados de Saúde da Família e Atenção Básica durante a pandemia da Covid-19 no Brasil. Saúde debate [Internet]. 4º de dezembro de 2023 [citado 22º de fevereiro de 2024];47(139):978-92. Disponível em: https://saudeemdebate.org.br/sed/article/view/8274

Edição

Seção

Revisão