Percepções sobre a Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência em uma Região de Saúde

Autores

  • Camila Dubow Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) – Santa Cruz do Sul (RS), Brasil. camiladubow@yahoo.com.br
  • Edna Linhares Garcia Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) – Santa Cruz do Sul (RS), Brasil. edna@unisc.br
  • Suzane Beatriz Frantz Krug Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) – Santa Cruz do Sul (RS), Brasil. skrug@unisc.br

Palavras-chave:

Sistema Único de Saúde. Pessoas com deficiência. Assistência à saúde. Regionalização. Integralidade em saúde.

Resumo

O objetivo do estudo foi o de analisar o processo de implantação da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência em uma Região de Saúde. Por meio de pesquisa exploratória, realizou-se um estudo de caso empregando questionários e entrevistas com 49 sujeitos, de forma a mapear, descrever e analisar o contexto, relações e percepções de distintos atores envolvidos no processo de implantação da referida rede. Os dados revelaram a existência de movimentos que denunciam uma ‘rede viva de cuidados’ em permanente construção, em processo gradual de incorporação de suas diretrizes, embora ainda se enfatizem os serviços especializados de reabilitação como centralizadores do cuidado.

 

 

Downloads

Publicado

2018-07-18

Como Citar

1.
Dubow C, Garcia EL, Krug SBF. Percepções sobre a Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência em uma Região de Saúde. Saúde debate [Internet]. 18º de julho de 2018 [citado 28º de outubro de 2021];42(117 abr-jun):455-67. Disponível em: https://saudeemdebate.org.br/sed/article/view/449

Edição

Seção

Artigo Original