O Programa Mais Médicos: controvérsias na mídia

Autores

  • Vinício Oliveira da Silva Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto de Saúde Coletiva (ISC) – Salvador (BA), Brasil. vinicio_oliveira@hotmail. com
  • David Ramos da Silva Rios Universidade Federal da Bahia (UFBA), Faculdade de Medicina, (FMB) – Salvador (BA), Brasil. david-rios@hotmail.com
  • Catharina Leite Matos Soares Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto de Saúde Coletiva (ISC) – Salvador (BA), Brasil. catharinamatos@gmail.com
  • Isabela Cardoso de Matos Pinto Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto de Saúde Coletiva (ISC) – Salvador (BA), Brasil. isabelacmp@gmail.com
  • Carmen Fontes Teixeira Universidade Federal da Bahia (UFBA), Instituto de Humanidades, Artes e Ciências (IHAC) – Salvador (BA), Brasil. carment@ufba.br

Palavras-chave:

Pessoal de saúde. Sistema Único de Saúde. Atenção Primária à Saúde. Saúde pública. Saúde da família.

Resumo

Realizou-se um estudo exploratório sobre a repercussão do lançamento do Programa Mais Médicos na mídia, a partir da identificação, da seleção e da análise de notícias publicadas em jornais de circulação nacional, nos sites de Entidades Médicas e nos ligados à Reforma Sanitária Brasileira, no período de lançamento do Programa (julho a setembro de 2013). Procedeu-se à análise de discurso do material selecionado. Os resultados demonstram diferentes filiações políticas das entidades analisadas, com ampla diversidade de opiniões, que se contradizem ou coadunam, contribuindo, assim, para que o tema ganhasse um significado político que ultrapassasse o setor saúde. Apesar de todas as discussões e críticas em torno da implementação do Programa, este representa um grande avanço em termos de política pública, que integra, em uma única proposta, elementos voltados ao provimento emergencial de médicos, à educação médica e ao desenvolvimento da infraestrutura das unidades de saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). O material analisado evidencia que a mídia atua, simultaneamente, como espaço de reverberação do debate político e, também, como um ator político que influi na opinião pública acerca do Programa.

Downloads

Publicado

2018-07-18

Como Citar

1.
da Silva VO, da Silva Rios DR, Soares CLM, Pinto IC de M, Teixeira CF. O Programa Mais Médicos: controvérsias na mídia. Saúde debate [Internet]. 18º de julho de 2018 [citado 28º de outubro de 2021];42(117 abr-jun):489-502. Disponível em: https://saudeemdebate.org.br/sed/article/view/199

Edição

Seção

Artigo Original