PRORROGADA A CHAMADA DE ARTIGOS PARA NÚMERO ESPECIAL DA SAÚDE EM DEBATE ‘INTERDISCIPLINARIDADE NA SAÚDE COLETIVA’- PRAZO DE SUBMISSÃO: 31/10/2021

2021-06-23

Tema: Interdisciplinaridade na saúde coletiva

Início da Chamada: 23/06/2021

PRAZO DE SUBMISSÃO PRORROGADO PARA 31/10/2021

Esta chamada destina-se a compor um número especial da revista ‘Saúde em Debate’, editada pelo CEBES (Centro Brasileiro de Estudos de Saúde), dedicado à temática ‘Interdisciplinaridade na saúde coletiva’. Nesta publicação pretende-se incentivar a produção e divulgação de reflexões sobre o tema, no sentido de explorá-lo quanto a aspectos teórico-metodológicos, à formação e à pesquisa no campo da saúde coletiva. A particularidade da publicação reside na divulgação de trabalhos desenvolvidos na relação docente-discente, eixo do ensino e da pesquisa nos programas de pós-graduação da área de saúde coletiva, e da própria interdisciplinaridade na Saúde, que aproxima docentes e discentes com formações diversas.

Os processos saúde-doença lançam desafios ao conhecimento científico e às práticas em saúde, mostrando que os temas e objetos da saúde requerem abordagens complexas em seus postulados teóricos, esquemas conceituais, métodos e práticas. Exemplo atual é a pandemia por Covid-19, que assolou o mundo e intensificou as desigualdades já existentes, com repercussões acentuadas em grupos sociais vulnerabilizados e em países com maior desigualdade socioeconômica. Em um momento que traz tantos desafios, a interdisciplinaridade indica um caminho fértil, trazendo a possibilidade de reunir conhecimentos e práticas de vários campos do saber, teorias, métodos e técnicas em uma síntese que integra, ultrapassa e supera a visão unidisciplinar da realidade ou objeto estudado.

Esperam-se artigos que reflitam experiências práticas dos fazeres de pesquisa, ensino, extensão, gestão e cuidado em saúde; e que produzam e aprofundem discussões sobre a interdisciplinaridade no que se refere a sua episteme e teorias balizadoras. Do mesmo modo, é importante que sejam trazidos os avanços e as lacunas acerca do arsenal metodológico que é, pode ou deveria ser utilizado em experiências de estudos interdisciplinares.

No que diz respeito à formação de mestrandos e doutorandos, é importante sistematizar experiências e desenvolver reflexões sobre o ensino da interdisciplinaridade e a aplicação dessa abordagem nos estudos que desenvolveram ou estão em desenvolvimento.

 ORIENTAÇÕES GERAIS

Os manuscritos deverão ser produzidos em conjunto por discentes e docentes dos Programas de Pós-Graduação em Saúde Coletiva do país.

Podem ser apresentados artigos originais; revisões sistemáticas e integrativas; e, relatos de experiência desenvolvidos nos últimos cinco anos.

Os manuscritos poderão ser submetidos em português, inglês e espanhol, conforme as normas de Saúde em Debate.

Serão publicados no máximo dois artigos por autor, sendo apenas um como autor principal. Artigos aprovados e não incluídos no número especial poderão ser publicados em números regulares da revista.

O processo de avaliação seguirá os mesmos procedimentos utilizados para os números regulares, explicitados nas normas da revista.

A submissão dos artigos deve ser feita no site da Saúde em Debate http://www.saudeemdebate.org.br/. Para a redação do artigo devem ser seguidas as normas técnicas da revista e as instruções para os autores, disponíveis no site.

No formulário de cadastro do artigo, em ‘Comentários para o editor’, é necessário explicitar que o artigo está sendo submetido para o número especial ‘Interdisciplinaridade na saúde coletiva’.

O prazo de submissão dos artigos se encerra em 19 de setembro de 2021.

PRAZO DE SUBMISSÃO PRORROGADO PARA 31/10/2021

Cordialmente,

Comitê Editorial.